Os mais pesquisados:

Lémure Preto e Branco de Colar

Varecia variegata

Este belo mamífero é considerado um dos maiores de entre todas as espécies de lémures. Possui uma coloração preta e branca facilmente confundido com um pequeno panda!

Estatuto de conservação

  • Não avaliado
  • Dados insuficientes
  • LC
    Pouco preocupante
  • NT
    Quase ameaçado
  • VU
    Vulnerável
  • EN
    Em perigo
  • CR
    Criticamente em perigo
  • EW
    Extinto na natureza
  • EX
    Extinto

Ajude-nos a proteger esta espécie!

Quero Apadrinhar

    Após preencher o formulário será contactado pela nossa equipa de modo a finalizar o processo de Apadrinhar uma espécie do Zoo.

    Comprimento
    50 a 60 cm
    Peso
    4kg
    Longevidade
    19 anos
    Dieta
    Frutas, folhas e sementes
    Habitat
    Floresta
    Reprodução
    2 a 3 crias

    É uma das espécies de Lémures de maiores dimensões. A cor da pelagem varia entre o preto e o branco. A face é preta, com um tufo de pelos brancos à volta da mesma, que tapa as suas orelhas. Os olhos são amarelados e contrastam com a cor do resto da face. A sua cauda é longa e preta.

    O Lémure Preto e Branco de Colar é uma espécie diurna e arborícola. Vive em grupos familiares pequenos, compostos por um casal reprodutor e por 2 a 5 descendentes. No entanto, apesar de raro, existem grupos que podem ser compostos por 18 a 31 indivíduos. São territoriais e usam as marcas de cheiro e as altas vocalizações para estabelecer os limites com indivíduos de outros grupos. A época de reprodução ocorre entre maio e junho e a gestação dura cerca de 3 meses.

    A população destes Lémures tem vindo a diminuir drasticamente devido à destruição do seu habitat e à exportação comercial de espécimes para os EUA. A nível global, existem cerca de 800 Lémures Pretos e Brancos em cativeiro, sendo que muitos fazem parte de programas de reprodução garantindo a continuidade da espécie, como o EEP. A redução da extensão e qualidade do seu habitat, a caça insustentável e o corte e queimada de árvores originaram um declínio populacional da espécie de 80% nos últimos 20 anos.

    Outros animais